BUDNY TRATORES DE OLHO NA NOVA FRONTEIRA AGRÍCOLA DA REGIÃO NORTE

 

O Estado de Rondônia terra de “brava gente e de destemidos pioneiros” como se lê no seu hino oficial, nunca antes esteve em destaque como agora na mídia nacional desde quando se deu inicio aqui o processo de colonização proposto pelo governo militar sob o lema: Colonizar para não entregar. Em que pese os reveses e a politica de abandono que o Estado enfrenta durante décadas – essa brava gente que aqui vive – transformou os seringais da época da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré num estado produtivo e de economia forte que atrai novos empresários visionários do agronegócio a cada dia do resto pais que desejam investir na nova fronteira agrícola do Norte. Um deles, Carlos Budny da BUDNY TRATORES vai investir mais de 100 milhões em uma planta para produzir tratores em solo rondoniense. Trata-se de um projeto desenvolvido pela Montadora catarinense que visar reduzir o preço final de seus tratores a partir da redução de custo do frete que gira em torno de 5% até o produto chegar aos seus clientes na região. Com a instalação da fabrica em Ji-paraná a empresa cuja matriz está localizada em Içara (SC) pretende criar uma rede de assistência técnica diferenciada, bem como atender os estados do Acre e Amazonas.  A empresa já opera há 22 anos no mercado brasileiro e com o processo de expansão da agricultura familiar e facilidades ao crédito pelos pequenos produtores frente à regularização fundiária na região a empresa espera faturar 150 milhões em 2014.  Bom lembrar que a empresa contará com incentivos do Governo de Rondônia e da Prefeitura local, além de parcerias com empresários do Grupo Giordano que atua no seguimento de implementos agrícolas e carrocerias. Com milhões de hectares de pastagens e terras degradadas a recuperação do solo por meio do plantio de grãos como soja e milho serão sem sombra de dúvida mais uma janela para o empresário rural obter lucros nas suas atividades e alcançar novos nichos de mercado principalmente na Ásia, onde a carne e a soja de Rondônia começaram a ganhar espaços nos últimos anos.

O EDITOR

 

Aroldo V.Torquato de Almeida

ARTE COM RAQUEL FERNANDES

  

artesraquelfernandes@gmail.com

vivo - (31) 9766 0414

claro – (31) 8333 5505

TIM – (31) 9486 9146

HISTÓRIA DO TOURO BACKUP

Um negócio de 2 bilhões pode ir "saco".

É um paradoxo, mas como já era de se esperar, aqueles que fizeram da raça Nelore uma grife de reputação mundial, não tardariam macular o trabalho dos visionários que foram buscá-lo na Índia. Certamente que Manuel Lemgruber ao comprar o primeiro casal de nelore num jardim zoológico em Hamburgo na Alemanha em 1877 jamais imaginou que aquela raça exótica se tornaria o maior rebanho de gado de corte do Brasil, tampouco os primeiros brasileiros a importá-lo da índia entre 1900 e 1920. Bom lembrar que os primeiros exemplares eram bem diferentes dos atuais depois do melhoramento genético que se segui ao longo destes 130 anos. Deve-se muito a caracterização do Nelore moderno ao importador Ravisio Lemos que na década de 1930 já sonhava com uma raça forte e lucrativa quando começou a expansão dos seus negócios revendendo matrizes nelores. E o que dizer do trabalho de uma vida inteira dedicada ao nelore como o do Sr. Joãozito de Andrade. Até que um dia um bando de burocratas tipo bonachão migraram da indústria e da política para o agronegócio. O fazendeiro perdeu seu papel de antanho na criação e passaram a rotulá-lo como um caipira estupido que não sabe produzir... (saber mais veja artigos).


 

PATROCINADOR OFICIAL

MATÉRIAS

A ORIGEM DO JUMENTO PEGÂ: AROLDO TORQUATO VERISSIMO DE ALMEIDA

03/12/2012 23:13
  A ORIGEM DO JUMENTO PEGÂ  AROLDO TORQUATO VERISSIMO DE ALMEIDA* Perdem-se no tempo as pegadas que nos levam a origem do jumento Pegâ. No entanto ao longo do caminho encontramos inúmeros rastros daqueles que foram os precursores na criação desse robusto animal que contribuiu...

CÓDIGO FLORESTAL BRASILEIRO E SUAS IDEOLOGIAS IQUIVOCADA SOBRE O DIREITO DE PROPRIEDADE E O USO DA TERRA

03/12/2012 22:51
  CÓDIGO FLORESTAL BRASILEIRO E SUAS IDEOLOGIAS IQUIVOCADA SOBRE O DIREITO DE PROPRIEDADE E O USO DA TERRA Vamos criar o "NO FOOD DAY" para os ambientalistas e para os políticos que apoiam o novo C.F. * Aroldo Torquato Veríssimo de Almeida     Soa tão bestial a idéia de...

HISTÓRIA DOS ÍNDIOS ARIKEMES

03/12/2012 22:48
  HISTÓRIA DOS ÍNDIOS ARIKEMES Período do contato com Rondon. Onde habitavam. Quantos eram. Quem eram eles. Sua cultura. Último povoamento. Fuga e Extinção da tribo.   Um século depois que o sertanista e explorador Marechal Mariano Cândido da silva Rondon visitou o último...

Os tropeiros visto pelos estranjeiros no ano 1850

18/07/2012 20:44
MEMÓRIAS DE UM COLONO NO BRASIL BIBLIOTECA HISTÓRICA BRASILEIRA Direção de Rubens Borba de Moraes Thomas Davatz Memórias de um Colono no Brasil (1850) As estradas do Brasil, salvo em alguns trechos, são péssimas. Em quase toda parte falta qualquer espécie de calçamento ou mesmo...

RODEIO CRIOULO NACIONAL - CABAÑA RECREIO

27/09/2011 22:26
  RODEIO CRIOULO NACIONAL Sempre durante a Semana Farroupilha no mês de setembro, acontece na cidade de Ariquemes que dista 200 km da capital do Estado Porto Velho, mais uma etapa do Rodeio Crioulo Nacional. Já a mais de uma década e meia a Cabaña Recreio do saudoso tradicionalista...